Total: R$0,00

A festa de Martin Heidegger: melancolia, diversão e ironia

Realizados
Investimento (para Profissionais): 
R$80,00
Investimento (para Estudantes): 
R$65,00

Heidegger procurou pensar em um de seus textos capitais a relação entre o tédio e o modo de ser de nosso tempo. Essa relação, que nos toca a todos hoje de maneira cada vez mais intensa, se expressa na velocidade corrosiva que todos vivenciamos a cada instante de maneira mais destrutiva, no vazio que se propaga entre nós de uma maneira assustadora e que torna a depressão e a neurose fenômenos cotidianos, no abandono que sempre sentimos ao nos ver condenados à ligação exclusiva com nós mesmos. 

Objetivos: 

O que pretendemos fazer na presente palestra é apresentar os elementos centrais e as razões que fizeram Heidegger pensar o tédio como a essência do mundo da diversão, a melancolia como a atmosfera fundamental de nossa festa global.

Ministrante: 

Prof. Dr. Marco Antonio dos Santos Casanova
Possui graduação em Letras pela UERJ, graduação em Filosofia pela UFRJ, mestrado e doutorado em Filosofia pela UFRJ, pós-doutorado pela Universität Freiburg. Atualmente é Professor Adjunto da UERL, membro de corpo editorial da Natureza Humana, revisor de periódico da Natureza Humana, membro de corpo editorial da Ekstasis: Revista de Hermenêutica e Fenomenologia, revisor de projeto de fomento da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, revisor de projeto de fomento da Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ, membro de corpo editorial da Revista Princípios, revisor de periódico da Revista Princípios e Revisor de periódico da Ekstasis - Revista. Tem experiência na área de Filosofia, com ênfase em Metafísica, atuando principalmente nos seguintes temas: Vida - História - Valor.

Público-alvo: 

Psicólogos e estudantes de psicologia.

Carga Horária: 

2 horas

Início: 
09/06/2017
Dia(s) do Curso: 
Horário: 

Das 19h às 21h

Local: 

PSICOLOG - Instituto de Estudos do Comportamento

Informações: